Comando Noticias– Seu Portal de Notícias em Indaiatuba - 17/01/2018

Publicado em: 08 janeiro 2018

Vencer ou vencer – o que o Primavera precisa fazer para passar de fase na Copinha

Confira as possibilidades de cada resultado na última rodada na terça, dia 9.

DSC_1290 cópia

HUGO ANTONELI JUNIOR

INDAIATUBA – Não é fácil a missão do Esporte Clube Primavera no jogo desta terça-feira, dia 9, contra o Vitória, da Bahia, na última rodada da primeira fase da Copa São Paulo de Futebol Junior. O fantasma, que perdeu o jogo de sábado (6) com um gol aos 47 minutos do segundo tempo, precisará vencer o líder Vitória, do artilheiro Luan, para não depender de outros resultados na briga pela segunda fase.




POSSIBILIDADESO Primavera entrará em campo sabendo o que precisa para se classificar, mas na teoria é mais fácil do que na prática. Vamos às possibilidades. Caso o Atibaia vença o Globo, o Primavera precisa obrigatoriamente vencer o Vitória se quiser passar para a segunda fase. O time indaiatubano tem um gol de saldo e o Atibaia tem um gol negativo, ou seja, o placar também deve influenciar na classificação.

Caso o Atibaia empate, o Primavera pode empatar e passará à próxima fase. Se o Atibaia perder, o fantasma pode até perder dependendo do placar e também passa para a segunda fase.

Os oponentes serão do Grupo 16, com base em Itu. Se as classificações se mantivessem, a próxima fase teria Primavera contra o Ituano (como foi no ano passado), e Vitória contra o Vila Nova, de Goiás. Mas tudo pode mudar.

Invencibilidade em casa na primeira fase

A derrota de sábado (6) foi a queda de um invencibilidade que durava desde 10 de janeiro de 2015, a última vez que o Primavera perdeu um jogo da primeira fase da Copinha em casa.

Na ocasião, a equipe foi derrotada pelo Cruzeiro, de Minas Gerais, por 1 a 0, dando fim à campanha melancólica de três derrotas em três jogos e a lanterna do Grupo O. Nos últimos dois anos o fantasma manteve-se sem perder na primeira fase.

Em 2017, pelo Grupo 15, o time começou a competição vencendo o União Rondonópolis, do Mato Grosso, por 4 a 2. Na segunda rodada, nova vitória. Desta vez conta o CRB, de Alagoas, 4 a 0. O encerramento da campanha na primeira fase foi com o empate em 2 a 2 contra o Atlético Paranaense, em uma partida que o fantasma saiu perdendo por 2 a 0 e conseguiu igualar o marcador no segundo tempo.

No ano anterior, novamente duas vitórias e um empate. O artilheiro Goteira foi quem deu as boas vindas à Copinha de 2016. Ele fez o gol que garantiu o empate do Primavera contra o Boca Júnior, do Sergipe. A primeira vitória veio contra o Paraná, com direito a dois gol de Goteira e um placar de 3 a 0. Na última rodada, uma vitória contra o Avaí, de Santa Catarina, sacramentou a classificação, 2 a 1.

A última vez que o Primavera começou a Copinha vencendo e perdeu na segunda rodada foi em 2014, quando pertencia ao Grupo N. Na época, o jogo de abertura teve a vitória contra a Ponte Preta por 1 a 0 e depois a derrota para o CRB por 1 a 0. Na última rodada, o Primavera empatou com o Fortaleza em 1 a 1 e ficou de fora da segunda fase. Um empate amanhã só valerá a classificação caso o Atibaia não vença o lanterna Globo.

fotos: arquivo/Comando Notícia

Notícias relacionadas

Siga nossa página no facebook
error: Conteúdo Protegido!