IndaiatubaPolícia

Acusado de ato obsceno, homem detido por guardas é liberado na delegacia

por COMANDO UNO

Um homem suspeito de fazer atos obscenos para uma mulher de 25 anos foi detido pela Guarda Civil no bairro Jardim Morada do Sol, em Indaiatuba (SP), na manhã desta quinta-feira (12). A  vítima contou ao Comando Notícia que estava descendo a rua Matinho Lutero por volta das 10h, virou na rua Emílio Agostine e viu um homem  suspeito de costas,  próximo a uma árvore.

“Até pensei que ele estava urinado em via pública, mas percebi que não. O o suspeito estava  com as mãos dentro  de sua bermuda, no  seu órgão genital”, quando surgiu dois veículos e ele disfarçou se, e começou a tocar em seus órgãos genital novamente desta vez por cima da bermuda   diz. “E quando eu passei, ele começou  a olhar na minha direção.”

Constrangida com a situação, a jovem ligou para o 190 e passou as informações. “A atendente nem deu muita atenção, por isso, desisti”, relata. Ela foi, então até a Praça Corolla onde encontrou uma viatura com os guardas civis João Fidélis e José Santos e pediu ajuda.

Com as características do suspeito e local onde ele se encontrava, os agentes foram em busca e conseguiram localiza-lo no mesmo local indicado pela vítima. Após ser detido pelos guardas civis, o suspeito foi levado para o plantão policial, onde negou tudo à delegada que atendeu o caso.

Ele foi reconhecido pela vítima, que registrou um boletim de ocorrência. O suspeito foi indiciado e liberado.

Fotos: Reginaldo Rodrigues/Comando Notícia