campinasPolícia

Bicicleta furtadas da GM de Campinas é recuperada após anúncio de venda na internet

A Guarda Municipal (GM) de Campinas recuperou na tarde de segunda-feira (7) as duas bicicletas da corporação que foram furtadas de dentro do Parque Portugal — Lagoa do Taquaral, no dia 13 de outubro. Elas foram achadas após um montador de móveis de 34 anos anunciar a venda de uma delas em um site de vendas online. Dois guardas se passaram por compradores e marcaram local para negociação. O homem prestou depoimentos na 2ª Delegacia Seccional e vai responder por receptação em liberdade. As bicicletas foram levadas para a base da guarda no Taquaral.

De acordo com a GM, desde o furto das bikes os guardas vítimas passaram a monitorar as redes sociais para ver se as bicicletas seriam anunciadas. Na semana passada, foi postada a venda de uma bicicleta de modelo semelhante à furtada da GM. Os guardas acharam o anúncio no domingo de manhã e entraram em contato com o vendedor. A bicicleta foi anunciada por R$ 700.
Os guardas foram até a casa do vendedor, no Recanto do Sol 1, e lá acharam a outra bicicleta, que não tinha sido anunciada. O suspeito alegou que havia comprado uma das bicicletas de um anunciante em um grupo de compra e vendas diversas, do WhatsApp, por R$ 500, e a outra ele trocou por um celular Moto G5. As bicicletas foram apreendidas e levadas para a Delegacia e depois entregues a um inspetor da GM.
Segundo a superintendente da GM, Kely Cristina Mendes da Costa, as bicicletas serão revisadas para ver as condições delas e depois serão empregadas no lote de reservas. No último dia 2, a Secretaria Municipal de Segurança Pública entregou 13 bicicletas novas para o patrulhamento no Parque Portugal. As que eram usadas, foram para a reserva. No total, apenas sete ainda podem ser usadas.
Furto
O furto aconteceu em um sábado, após o feriado do Dia das Crianças. Os veículos estavam no balneário e foram levados no momento em que os dois guardas foram ao banheiro. Usuários do parque chegaram a avistar os ladrões, que usaram de destreza para distrair a vigilante do local. O furto foi registrado no 4º Distrito Policial (Taquaral).
O prédio onde as bikes estavam fica com as grades que dão acesso às piscinas fechadas. O imóvel, que abrigada a Secretaria de Esportes e Lazer, conta com vigilante patrimonial, terceirizado, e no dia do crime havia uma vigilante no local. Os guardas subiram para ir ao banheiro e deixaram as bicicletas estacionadas perto da vigia. Em seguida, teriam chegado dois rapazes, aparentando serem menores, e solicitaram o regulamento do local. Sem perceber que se tratavam de criminosos, a vigilante teria deixado seu posto e seguido até uma sala, onde estavam os panfletos com as informações. As bikes têm cerca de 10 anos e custam, cada uma, cerca de R$ 1,5 mil.
Fonte e fotos: Patricia Domingos/AAN