IndaiatubaPolícia

Brasileiro é preso no Uruguai com ajuda de guarda de Indaiatuba

O guarda civil Borges, de Indaiatuba (SP), auxiliou em uma prisão de um brasileiro no Uruguai. O caso aconteceu nesta semana e ele contou ao Comando Notícia como tudo ocorreu. “Conheço muitos chefes e comissários da polícia de lá por ser instrutor de táticas policiais e ter ido lá ensinar”, diz.

“O investigador Barrientos me pediu apoio aqui no Brasil, relatando que eles teriam apreendido um rapaz brasileiro que não forneceu quase nada de informações e, por isso, estava dificultando o trabalho da polícia. Eles, então, me contataram, passaram os dados e, no sistema, conseguimos puxar a ficha dele, que terminou preso”, diz.

A ocorrência foi o seguinte: um morreu e seis homens foram presos após tentativa de furto a caixas eletrônicos na madrugada de segunda-feira (14) em Ponta-Carretas, Montevidéo, no Uruguai, entre eles um brasileiro. Durante a explosão, dois dos criminosos foram alcançados por um choque. Um teve múltiplas feridas e o outro, morte instantânea. Os outros envolvidos fugiram em um carro de cor cinza.

De acordo com a polícia, os envolvidos no crime foram localizados na rodovia Rota 7, quilômetro 4o. Eles estavam em um carro cinza, durante a fuga o veículo caiu em uma valeta, eles tentaram fugir a pé e ainda trocam tiros com a polícia. Os ocupantes foram presos durante o cerco policial.

Realizadas a inspeção ao veículo pela polícia científica, o mesmo apresentava perfurações  de arma de  fogo, vestígios de sangue. Também foram encontradas várias armas, placas de veículos, luvas, capuz, tanque de oxigênio e mangueiras.