CidadesIndaiatuba

Elevado do Jardim Hubert será liberado nesta sexta após 30 meses de construção

As obras de interligação de vias com o elevado construído na avenida Engenheiro Fábio Roberto Barnabé – Marginal Direita estão concluídas após 30 meses da ordem de serviço emitida (janeiro de 2016). A Secretaria de Obras e Vias Públicas vai liberar o trânsito de veículos pelo local nesta sexta-feira (27), a partir das 7h. Para garantir segurança aos condutores de veículos, a velocidade máxima permitida no elevado é de 40Km/h e será controlada por radar.

Com as mudanças de trânsito no local, os condutores de veículos que estão na Marginal Direita e querem continuar no sentido Morada do Sol, terão que seguir pelo elevado. O elevado também deverá ser utilizado pelos motoristas que querem fazer o retorno para a Marginal Esquerda, pela nova alça de acesso construída no local.

As faixas laterais ao viaduto, na Marginal Direita, darão acesso apenas à avenida Manoel Ruz Peres, sentido bairro João Pioli. Os condutores de veículos que estão na rua Soldado João e passam por baixo do elevado no sentido João Pioli, terão acesso direto à Manuel Ruz Peres e também poderão virar à esquerda para acessar a Marginal sentido Morada do Sol ou a rua João Giaquinto.

O projeto do elevado foi elaborado pela Secretaria de Obras e Vias Públicas e conta com três faixas de rolamento posicionadas à esquerda da Engenheiro Fábio Roberto Barnabé – Marginal Direita, e passagem livre para quem segue no sentido da avenida Ário Barnabé, no Jardim Morada do Sol. Demais adequações do trânsito serão realizadas após a liberação do elevado.

O viaduto tem 385,70 metros de extensão, entre acesso e elevado, e foi construído utilizando o sistema de terra armada, que não deixa vãos nas laterais da pista. A pavimentação englobou uma área de 2.291,04 m², mais 507,37 m² do acesso. O trecho de terra armada é de 1.428 m², com uma estrutura aérea de 355,67 m².

A obra também incluiu o recapeamento de ruas do entorno. A área total de recape foi de 27.857,3 m², dividida em quatro trechos, sendo o primeiro de 13.466,77 m², na rua Soldado João Carlos de Oliveira Junior; o segundo de 3.962,50 m² na rua João Giaquinto; o terceiro de 5.370,08 m² e o quarto trecho, de 5.057,95 m², estão na avenida Engenheiro Fábio Roberto Barnabé.

A construção do elevado recebeu investimentos em torno de R$5,3 milhões, adquiridos pelo município por meio de um financiamento do Governo Federal dentro do Programa Pró-Transporte, com recursos do PAC II (Programa de Aceleração da Economia).

Para a construção da alça de acesso na sequência do elevado a Prefeitura usou recursos e mão de obra próprios. A obra exigiu a instalação de uma travessia em aduelas no córrego Barnabé, na altura da rua Eduardo Augusto Raimundo, no Jardim Hubert, e rua Esterlino Miniolli, no Jardim Tancredo Neves. As alças de acesso somam cerca de 1.330 metros de vias, contornadas com ciclovia, pista de caminhada e calçada no entorno.

Revitalização

Todo o trecho do Parque Ecológico no entorno do elevado e da nova alça de acesso foi revitalizado. Além do paisagismo e da iluminação, esta parte do Parque, em frente ao bairro Tancredo Neves, ganhou uma Academia ao ar livre e duas quadras de basquete no modelo americano, como a que instalamos na Pista de Skate. As quadras de areia e o playground que já existiam nesse trecho, também foram revitalizados, segundo a Prefeitura.

Até o espaço no Parque que é utilizado aos domingos para a feira de carros usados, recebeu benfeitorias. O local foi pavimentado e as vagas de estacionamento dos veículos foram demarcadas para melhor organização do espaço. A revitalização resultou de um trabalho conjunto das secretarias de Obras e Vias Públicas e de Urbanismo e do Meio Ambiente.

Foto: Eliandro Figueira  RIC/PMI