CulturaIndaiatuba

Exposição “Descobrindo o Autismo” é destaque no Shopping Jaraguá até o dia 15

O Grupo de Mães de Autistas de Indaiatuba (Amaii) promove até 15 de abril a primeira exposição de arte “Descobrindo o Autismo”, que poderá ser conferida no Shopping Jaraguá. O evento conta com a parceria do Espaço Avançar, do Cirva (Centro de Integração, Reabilitação e Vivência dos Autistas) e da Fundação Pró-Memória de Indaiatuba.

Todos os painéis que compõem a exposição foram confeccionadas pelos assistidos nas oficinas de artes realizadas dentro do Espaço Avançar, que assegura um modelo de atendimento integrado e multidisciplinar aos casos severos do Transtorno do Espectro Autista (TEA), que necessitam de atendimento especializado no município. O objetivo da exposição é mostrar as infinitas formas de expressão em pintura das crianças e adolescentes assistidos na instituição, além de informar dados sobre o transtorno.

Eventos

De 01 a 6 de abril – O Espaço Avançar preparou algumas atividades, como aula de relaxamento com os pais e atividades externas com os alunos para comemorar a data de conscientização do autismo.

De 01 a 15 de abril – Exposição de Arte “Descobrindo o Autismo”

Com a apoio da Prefeitura de Indaiatuba, através da Secretaria de Cultura, o grupo de mães de Autistas de Indaiatuba (AMAII) criou a primeira exposição “Descobrindo o Autismo”, com a participação dos parceiros Cirva e Espaço Avançar. O objetivo é expor as infinitas formas de expressão em pintura das crianças e adolescentes com o Transtornos de Espectro Autista.

Local: Shopping Jaraguá

Horário: segunda a sábado das 10h às 22h e domingo das 12h às 18h

07 de Abril – 2ª Caminhada pelo Dia Mundial de Conscientização do Autismo em Indaiatuba

Hora: 8h30

Local: Estacionamento do Parque Ecológico

Percurso: saída do estacionamento do Parque Ecológico, dando a volta no Objetivo e retornando ao estacionando.

Realização: Cirva

ESPAÇO AVANÇAR

O Espaço Avançar é um serviço municipal exclusivo para os autistas de Indaiatuba. Inaugurado há um ano, atende aproximadamente 35 alunos na escola, com capacidade para 40, e no ambulatório da saúde passam por atendimento (triagem com assistente social, avaliação médica e/ou avaliação multidisciplinar, atendimento clinico) cerca de 230 usuários.

O espaço é equipado com quatro salas de aula; quatro consultórios; uma sala sensório-motora; uma sala de estimulação precoce; uma sala de casa pedagógica; uma sala de oficina pedagógica multidisciplinar, sala de serviço social e compartilha uma piscina e uma quadra poliesportiva da Secretaria de Esportes.

O local assegura um novo modelo para atendimento integrado e multidisciplinar aos autistas do município. A proposta conta com a ampliação de atividades que propiciam o desenvolvimento motor e social dos assistidos, atendimento escolar e terapêutico. Dentro do Espaço há a escola para os alunos autistas severos que já tentaram a inclusão na rede regular de ensino e o ambulatório de atendimento da saúde que são para todos os graus de autismos.

A unidade conta com professores especialistas, professores de educação física e artes, fonoaudiólogo, psicólogo, terapeuta ocupacional, fisioterapeuta, arteterapeuta, oficineiros, médico psiquiatra, fisioterapeuta, psicólogo, enfermeiro, técnico em enfermagem e assistente social.

As propostas das oficinas são baseadas no currículo funcional, que são voltados para habilidades que os alunos já têm e visam melhorar tais habilidades; o trabalho é focado em melhoria das atividades de vida diária e independência.

Atendimento no Espaço Avançar

A Rede Municipal de Educação trabalha com a inclusão e na rede regular são atendidos cerca de 100 autistas. Os alunos que podem ser encaminhados para o ‘Espaço Avançar’ – Escola são casos severos, que necessitam de atendimento especializado e que não se adaptaram ao ensino regular por algum motivo.

Já no setor ambulatorial, é necessário o encaminhamento de médico do SUS. Depois é realizado uma avaliação social (com Assistente Social), avaliação com médico psiquiatra e equipe multidisciplinar para definição de Planejamento terapêutico individualizado. Para ambos os casos, os autistas devem residir no município de Indaiatuba.

O horário escolar é das 8h ao 12h e das 13h às 17h e o horário de atendimento da saúde é das 7h às 17h, por meio de agendamento. O Espaço Avançar fica situado na Rua Helenza Tomazzi, 107. Jardim Remulo Zoppi. Telefone: 3835 4888.

 

CIRVA

O Cirva (Centro de Integração Reabilitação e Vivência do Autista), existe há mais de 20 anos em Indaiatuba. É uma instituição sem fins lucrativos, de utilidade pública, que mantém suas operações com repasses financeiros da Prefeitura de Indaiatuba, através da Secretaria de Saúde e da Secretaria de Assistência Social; doações da comunidade, realização de eventos e telemarketing. A atual diretoria é voluntária.

Atualmente o Cirva realiza atendimento de acordo com PTI (plano terapêutico individual) para 107 crianças e adolescentes, que contam com profissionais especializados. Também é realizado um trabalho de assessoria nas escolas com a equipe terapêutica, que se reúne com os profissionais que trabalham com a criança na unidade de ensino.

O Cirva conta com uma equipe de especialistas nas áreas de fonoaudiologia, psicologia, terapia ocupacional, oficina de artes, musicoterapia, fisioterapia, psicopedagogia, e médica psiquiatra. Através da parceria com a Faculdade de Veterinária da Unimax, temos a TAA (terapia assistida por animais) a cada 15 dias e a AESCI e estância Tordilha apadrinhamento de 10 crianças para Equoterapia.

A missão do Cirva é prestar atendimentos multisetoriais às pessoas autistas e seus familiares, visando a melhoria da qualidade de vida dos mesmos. Também às famílias para busca de direitos, além da integração e o reconhecimento do autista na sociedade.

Cirva – (Centro de Integração Reabilitação e Vivência do Autista)

Rua Padre Bento Pacheco, 741 – Centro

Telefone: 3894 5449

Foto: Arquivo Giuliano Miranda – RIC/PMI

Foto: Eliandro Figueira RIC/PMI