CidadesIndaiatuba

Indaiatuba aguarda cadastro de 2,3 mil famílias que têm direito ao auxílio emergencial de R$ 130

Duas semanas após sancionar a lei do auxílio de R$ 130 para pessoas em situação de vulnerabilidade, Indaiatuba (SP) aguarda o cadastro de 2,3 mil famílias que se enquadram nas regras para receber o benefício. O número equivale a 40,3% do total de contemplados. O Programa Renda Mínima, como foi denominado, vai acolher 5.738 famílias, o equivalente a cerca de 20 mil pessoas.

Até esta quinta-feira (22), 3.425 das famílias mapeadas pela prefeitura já tinham feito o cadastro. Moradores contemplados receberão três parcelas de R$ 130, mais R$ 20 por filho, limitado a três crianças de até 14 anos – o valor total pode, então, chegar a R$ 190.

  • Total de famílias que devem ser beneficiadas: 5.738
  • Cadastradas até 22 de abril: 3.425
  • Faltam se cadastrar: 2.313
  • Total de pessoas beneficiadas: cerca de 20 mil moradores

 

Ao todo, a cidade irá investir R$ 2,6 milhões. O benefício será pago nos meses de maio, junho e julho. A prefeitura informou que está fazendo uma busca ativa pelas famílias que ainda não se inscreveram.

O prazo final para o cadastramento é 30 de abril, que pode ser feito nas unidades do Centro de Referência de Assistência Social (Cras). Veja os endereços abaixo.

  • Cras I – famílias deste território serão atendidas no Centro Comunitário: Rua Manoel Francisco Ribeira Garcia, s/n, Jardim Oliveira Camargo.
  • Cras II – Caminho da luz: Rodovia Lix da Cunha, 2.900, Tombadouro.
  • Cras III – Parque Corolla: Rua José Pioli, 96, Jardim Morada do Sol.
  • Cras IV – Rua Jordalino Pietro Bom,1.300, Jardim São Conrado.
  • Cras V – Rua Lourenço Martim do Amaral, 241, Jardim Brasil.
  • Cras VI – Rua Benedito Carvalho, 213, Parque Campo Bonito.
  • Fiec – Bairros referenciados a prefeitura: Avenida Eng. Fábio Roberto Barnabé, 3.405, Jardim Regina.

Como será o pagamento

 

O pagamento é feito em três parcelas, sendo a primeira paga no início de maio, por meio de crédito em conta poupança social digital, já existente no nome do beneficiário.

No caso das pessoas que não possuem conta, o próprio banco criará a conta, sem a necessidade do beneficiário comparecer à agência bancária.

A movimentação da conta será realizada pelo beneficiário através do aplicativo Caixa Tem.

A Secretaria de Assistência Social disponibiliza o telefone (19) 3834-9225 para tirar dúvidas. Outros canais são o telefone 0800-770-7702 e WhatsApp (19) 99773-4701.

Com informações G1 Campinas

Foto: Prefeitura Municipal de Indaiatuba

  • Cras I – famílias deste território serão atendidas no Centro Comunitário: Rua Manoel Francisco Ribeira Garcia, s/n, Jardim Oliveira Camargo.
  • Cras II – Caminho da luz: Rodovia Lix da Cunha, 2.900, Tombadouro.
  • Cras III – Parque Corolla: Rua José Pioli, 96, Jardim Morada do Sol.
  • Cras IV – Rua Jordalino Pietro Bom,1.300, Jardim São Conrado.
  • Cras V – Rua Lourenço Martim do Amaral, 241, Jardim Brasil.
  • Cras VI – Rua Benedito Carvalho, 213, Parque Campo Bonito.
  • Fiec – Bairros referenciados a prefeitura: Avenida Eng. Fábio Roberto Barnabé, 3.405, Jardim Regina.