Polícia

“Mulheres declarando vida mudam atmosfera”, diz palestrante de conferência em Indaiatuba

HUGO ANTONELI JUNIOR

INDAIATUBA – Palestrante que abriu a programação da Flowers Conference nesta sexta-feira (17), Jennifer Roberts falou sobre o tema do evento, “Speak Life” (declare vida, em tradução livre) ao Comando Notícia já na madrugada deste sábado (18), nas dependências do Hangar 7 Church, pouco depois de falar também no Sexta Life, evento mais frequentado da igreja na semana.

Jen é casada com o conferencista Dwayne Roberts, que também falou com o Comando em setembro. A conferência terá o segundo e último dia neste sábado (18) com Maju Trindade, Pérola Stewart, Val Gonçalves, Luiza Endo e Keila Braga.

Comando Notícia: Como foi a conferência e o Sexta Life?

Jennifer Roberts: Para mim a conferência é muito cheia de vida e eu sei que as mulheres estão muito famintas para ouvir. Eu adoro a diversidade que há em um grupo de mulheres. Acredito que vai ser uma conferência incrível e estou honestamente honrada de estar aqui. Quando me pediram para falar no Sexta Life, para mim é falar para pessoas de 15 a 18 anos, mas isso foi completamente diferente. Quando entrei não vi só adolescentes e pensei “uau, que bom”, então me pareceu que as pessoas tinham a mesma idade do que a conferência, porém existia homens e mulheres. Gostei muito de falar aqui esta noite e a mão de Deus esteve sobre pessoas diferentes. Acredito que vão sair com a vida no lugar secreto, como está escrito na Bíblia, em Mateus capítulo cinco, fala que devemos que entrar no lugar secreto porque Deus já está lá. Não é que Ele vai estar lá, mas porque Ele já está esperando.

CN: Como falar sobre um tema “speak life” em um momento de tanto ódio?

JR: Acredito que este tema é importante porque nós vivemos em um momento que as mulheres estão sendo influenciadas por palavras e situações negativas. Precisamos de palavra de vida para nós mesmas e através de nós, precisamos da vida de Deus tem fluído sobre nós. Qualquer mulher que fale vida, está mudando uma atmosfera.

23559851_1733160403413599_2704741630269713532_n

CN: Quais as mudanças que há na mensagem que você fala hoje em relação à que era falada há alguns anos?

JR: Algumas mudanças eu acredito que são boas. Acredito que as mulheres estão se sentindo mais empoderadas do que eram antigamente, mas junto com isso vem mais estresse. Hoje a mulher precisa desenvolver tarefas múltiplas, mas a identidade tem que haver com o que Deus diz sobre nós. É claro que hoje as mulheres tem mais opções do que tinham há cinquenta anos, o que não é ruim, hoje elas estão mais empoderadas.

CN: Fale um pouco do trabalho que você desenvolve em Florianópolis.

JR: Estamos implantando uma igreja e começamos uma sala de oração que trabalha 20 horas por dia, cinco vezes na semana. Além disso, também temos uma escola bíblica online e diversas conferências que participamos ao redor do Brasil.  Pensamos que não é necessário trazer uma sala de oração por cidade, mas, sim, as pessoas atenderem ao chamado de Deus.

CN: Deixe uma mensagem para as mulheres.

JR: Eu diria que Deus as leva a sério. Quando elas se sentem sozinhas no dia, Deus está te vendo em todos os momentos, desde serviços domésticos como passar e cozinhar, até em outra situações. Ele te leva a sério.

Jennifer Roberts

Jennifer Roberts também é membro-fundadora da International House of Prayer (IHOP-KC) desde os anos noventa, onde serviu por quase 15 anos depois de ter sido missionária pela Jocum desde a sua juventude. A partir de sua peculiar história de vida, tornou-se uma apaixonante comunicadora da mensagem do amor de Deus, das verdades que transformam vidas e do valor da mulher. Juntamente com seu marido Dwayne Roberts, recebeu uma comissão divina para mudar-se ao Brasil em 2013, carregando uma mensagem especial para as mulheres brasileiras através da sua plataforma pessoal, o Podqueen. Jennifer está comprometida em estabelecer uma Casa de Oração alicerçada na fascinação por Jesus e ver um avivamento histórico na nação brasileira. Ela lidera a Florianópolis House of Prayer com seu marido Dwayne e é mãe de Sydney, Chloe e Elijah.

Fotos: Hangar 7/Hugo Antoneli Junior/Comando Notícia