IndaiatubaPolícia

Prefeitura anuncia ações de segurança e fiscalização de trânsito

A Prefeitura de Indaiatuba (SP) anunciou cinco ações de segurança intituladas “Cidade Mais Segura”. Uma delas se chamará “Via Estreita” que, segundo a divulgação na segunda-feira (17), será realizada em conjunto com a Secretaria de Segurança Pública e Secretaria de Obras e Vias Públicas, através do departamento de trânsito.

O guarda civil e o agente de trânsito irão promover com mais frequência o estreitamento de vias para fiscalização de trânsito. A ação visa diminuir acidentes e segurança do tráfego de carros, motos e pedestres.  Nesta operação serão fiscalizados os veículos e seus condutores, a fim de identificar os itens de segurança, conservação e combate às drogas. Também haverão as operações Folha de pagamento, Viver, Sossego nas Ruas e Cerol.

A Operação Folha de Pagamento foi elaborada pela Guarda e pelo Comando da 4ªCia do 47º BPMI, para prevenir o furto e o roubo nas áreas comerciais e bancárias. Será realizada constantemente no período em que os trabalhadores e aposentados recebem seus salários. A ação prevê reforço no patrulhamento policial nas regiões de maior movimento de Indaiatuba. A atuação em conjunto das duas instituições evita que as viaturas da Guarda Civil e Polícia Militar transitem pelo mesmo setor.

A Operação Sossego nas Ruas acontece em parceria com a Secretaria de Segurança Pública e Secretaria de Serviços Urbanos e Meio Ambiente. A Guarda Civil realizará ações semanais para coibir a perturbação do sossego. O Setor de Meio Ambiente fará a fiscalização e providências nos casos de constatação de irregularidades.

A Operação Viver vai ampliar o patrulhamento nas entradas de alunos nas escolas estaduais e municipais. A operação visa reforçar a segurança dos alunos e combater o tráfico de drogas.

A Operação Cerol é uma campanha permanente e inclui ações de conscientização e de fiscalização. O objetivo é promover a conscientização do risco que o uso de linhas cortantes traz para quem utiliza e para outras pessoas, além de ser crime. Durante o ano a Defesa Civil ministra palestras em escolas e empresas. No período de férias a fiscalização é intensificada nas regiões onde tem maior concentração da prática do lazer.

foto: arquivo/Comando Notícia