CidadesIndaiatuba

Raio X da Saúde: moradores elogiam UBS do João Pioli

HUGO ANTONELI JUNIOR

O Comando Notícia inicia nesta segunda-feira (29) uma série de reportagens que vai passar por diversas unidades de saúde de Indaiatuba (SP). Ouviremos pacientes e moradores das redondezas para apurar qual a real situação de cada unidade e trazer análises reais do Sistema Único de Saúde (SUS) na cidade. A primeira parada é na Unidade Básica de Saúde (USB) do João Pioli, às margens da avenida Manoel Ruz Peres.

A nossa equipe chegou ao local perto das oito e meia da manhã. Todas as vagas de estacionamento na calçada estavam preenchidas, assim como alguns carros que ocupavam parte de uma das faixas da avenida. A todo momento entravam e saíam pessoas da unidade e optamos por fazer abordagens de pacientes que estavam saindo. Nenhum deles será identificado na reportagem.

A primeira mulher que conversou com a reportagem disse que mora no Jardim Hubert. Ela passou por um exame de rotina. “O atendimento é bom, não demorou e fui bem atendida”, afirma. O agendamento da unidade, segundo relata, levou cerca de 10 dias, ou seja, foi rápido.

Foi então que uma mãe saiu da unidade com uma criança de colo. “Veio passar pelo pediatra”, afirma. A consulta foi marcada há cerca de um mês, de acordo com a própria mulher, moradora também do Jardim Hubert. O terceiro entrevistado foi um homem. Ele saiu da unidade por volta de oito e cinquenta da manhã.

“Cheguei sete horas, demorou um pouco”, reclama. “Estou sem comer por causa dos exames, agora vou tomar café”, completa. Ele disse que agendou os exames há cerca de um mês e que mora a menos de um quarteirão da unidade, no mesmo bairro. Apressado, ele não reclamou do atendimento ao Comando Notícia.

Um senhor de idade saiu da UBS em seguida. Ele disse que foi ao dentista. “Marquei faz uns 45 dias”, conta. Também morador do Hubert, ele não reclama de demora ou de mal atendimento. A última pessoa entrevistada resolveu não esperar.

“Ainda tem quatro pessoas na minha frente”, disse enquanto ia para o carro. “Eu moro aqui perto, preciso ir agora, acho que não ia demorar, mas depois ou amanhã eu volto”, completou a moradora do bairro. Enquanto o Comando Notícia esteve na unidade nesta segunda, não houve reclamações diretas à reportagem.

Amanhã será a vez da UBS do Corolla.

foto: Reginaldo Rodrigues/Comando Notícia