IndaiatubaPolícia

Rapaz suspeito de abastecer as “biqueiras” do Morada do Sol é preso pela Polícia Civil

HUGO ANTONELI JUNIOR

A Polícia Civil cumpriu mandados de busca e apreensão na casa de um rapaz de 26 anos na manhã de quarta-feira (27). Na residência localizada no bairro João Pioli, em Indaiatuba (SP), foram encontradas porções de drogas, dinheiro, cigarros contrabandeados e em um bar no Jardim Morada do Sol que ele afirmou ser dono, mais dinheiro e anotações. Tudo foi apreendido, assim como um carro e uma moto e ele foi levado à Delegacia, preso por tráfico e contrabando.

Os policiais do Setor de Investigações Gerais (SIG) chegaram à residência, na rua Claro da Silva Dutra, durante a manhã e encontraram o até então suspeito com a mãe e perguntaram para ele sobre a existência de drogas, o que foi negado, mas eles encontraram entorpecentes dentro da residência e em uma mala que caiu do telhado. Os policiais acreditam que quando o rapaz os viu chegar, tentou esconder as drogas, mas não deu certo. Ao todo foram apreendidas 164 porções de cocaína e 22 de maconha. O material foi enviado à Campinas (SP), onde foi constatado tratar-se de drogas.

Foram apreendidos mais de R$ 3,1 mil, um pouco no bolso do preso e o restante no quarto, além de uma quantia no bar. Também foram apreendidos pelos policiais civis mais de 200 maços de cigarros contrabandeados do Paraguai, uma balança de precisão, seis aparelhos de celular e cadernos de anotação de jogo do bicho e tráfico de drogas. Na garagem da residência havia um veículo Vectra GT, modelo 2010, prata, com placas de Salto (SP) e uma moto, modelo Hornet, verde, com placas de Indaiatuba. Ambos também foram apreendidos e enviados ao pátio de Cosmópolis (SP).

Investigação

Na Delegacia, de acordo com a Polícia Civil, o rapaz permaneceu calado. A investigação pediu a quebra do sigilo do WhatsApp, para a Prefeitura de Indaiatuba lacrar o bar na rua João Martini, no Jardim Morada do Sol e determinou a prisão dele para o prosseguimento do caso. De acordo com o delegado responsável, Danilo Amancio Leme, a ação foi feita com base em outras investigações anteriores.

“Já havia um inquérito e devido às investigações havia indícios que ele era responsável pelo abastecimento de pontos de tráfico de drogas, as chamadas “biqueiras” no Jardim Morada do Sol. Com base nisso foi dado o cumprimento ao mandado e lá na residência havia os objetos apreendidos, drogas, anotações e até os veículos que podem ter origem ilícita. Ele foi autuado em flagrante.”

fotos: Polícia Civil