IndaiatubaPolícia

Estuprador de menores de idade é preso pela Polícia Militar

HUGO ANTONELI JUNIOR

Foi preso na noite desta quinta-feira (4) um rapaz acusado de estuprar menores de idade em outubro do ano passado no Parque Ecológico, em Indaiatuba (SP). Ele roubou um adolescente de 14 anos com uma faca nas proximidades da pista de skate. Policiais militares o detiveram e as vítimas do abuso em 2018 o reconheceram por foto. Apresentaram a ocorrência os soldados Coke e Thiago Oliveira (Rocam), além de outros agentes de segurança, incluindo o capitão Paulo Bueno.

Todos foram levados à Delegacia, onde o caso foi apresentado à Polícia Civil. Ele ficou preso pelo roubo e também pelo estupro. Os menores também foram ouvidos pela autoridade de plantão. Os policiais que estiveram na ocorrência desta quinta são os mesmos que atenderam o caso do estupro na mata do Parque Ecológico e por isso fizeram a ligação entre os dois crimes.

O caso

Dois adolescentes registraram uma ocorrência de estupro no dia 18 de outubro. Eles contaram ter sido vítimas de um homem nas proximidades da Prefeitura no mesmo dia, além de terem perdido também os celulares. Uma menina de 14 anos e um menino de 15 andavam nas proximidades da Prefeitura em direção ao bairro Rêmulo Zoppi, onde um deles mora, quando foram abordados por um homem.

O bandido perguntou o horário para a menina e quando ela tirou o celular do bolso, simulou estar armado e pediu o celular ameaçando atirar. Ela chegou a resistir, mas entregou, assim como o outro adolescente. O homem então entrou dentro da mata e disse que se eles entrassem, devolveria os aparelhos.

Quando eles estavam na mata, disse que só devolveria se a menina tocasse as partes íntimas. Acuada por ele possivelmente estar armado, ela não obedeceu, mas ele pegou o braço a força e a fez tocá-lo. Em seguida, ele pegou os dois celulares e saiu correndo sentido Fiec/Tancredo Neves.

Os dois adolescentes, desesperados, procuraram alguém que passava no local e ligaram para a Polícia Militar – que foi até o local e os transportou para a Delegacia, onde o Boletim de Ocorrência foi feito.

foto: Hugo Antoneli Junior/Comando Notícia